20 de out de 2010

6 meses de Irlanda!


Esse mês de Outubro completamos 6 meses de intercâmbio e já temos muitas histórias para contar. Lembro-me de quando chegamos e era tudo novidade, bem diferente do mundo que vivíamos e ao longo desses primeiros meses tivemos uma fase brusca de adaptações com novas culturas, novas experiências e uma nova língua.

No primeiro mês foi uma fase turística aqui em Dublin, conhecemos vários pontos turísticos e “descobrimos” a cidade que era novidade. Tivemos os primeiros dias de aula, conhecemos novas pessoas e fizemos amizades. Mudamos do hotel para o nosso ap. Estudávamos muito para começar a entender as pessoas na rua e começávamos a distribuir currículos pela cidade para buscar o primeiro emprego.

Hoje no 6º mês nos adaptamos com a cidade. O clima estava frio quando chegamos, passou alguns meses começou o verão e estava legal a temperatura, e agora a temperatura esta caindo mais e mais e o frio tá chegando.

Nós dois estamos trabalhando com o mesmo cargo de “housekeeping”, porém em hotéis diferentes. A Lili já trabalha a 5 meses e meio no emprego dela e eu estou a 2 meses e meio nesse último emprego. É bom quando o dinheiro entra na conta e  começa a se viver. Tudo é muito acessível a população. Os preços são bem mais baratos que no Brasil e é mais fácil conseguir dinheiro, mesmo com sub-emprego.

O inglês melhorou muito desde que chegamos, mas temos que estudar mais. As vezes falta vocabulário no meio de uma conversa e até hoje acontece alguns micos, porém bem menos de quando chegamos, que acontecia direto. Depois de um tempo já se consegue “pensar” em inglês, o que pra mim era o difícil ao fazer cursos de inglês no Brasil. Sempre traduzia do português para o inglês para falar e vice-versa para entender. Com o hábito de só escutar e ler inglês durante o dia todo facilita muito o aprendizado.

Fizemos apenas uma viagem desde que chegamos, que foi para Paris no mês passado. Foi ótima a viagem e já nos programamos para as próximas  que será pra Londres no começo de dezembro e na segunda quinzena de dezembro iremos para Itália, Suiça, Holanda, Alemanha e Bélgica.  A facilidade de viajar aqui é grande. Programando a viagem antecipada paga-se barato em passagens aéreas (+/-€10 para viajar) e acomodação. Vale a pena programar.

Nossa alimentação mudou um pouco mas não tanto quanto esperavamos. Fazemos comida em casa e da pra comprar no supermercado bastante similar comparado com o Brasil. O café da manhã é muito diferente do nosso. Salsicha, bacon, ovo, feijão, cogumelo, torrada, tomate e carne de porco acompanhado com café ou chá é o Irish Breakfast.  Aprendemos a comer muito fast food. Aprendemos a beber Guinness, que no começo era difícil mas hoje não passamos um final de semana sem beber essa cerveja.

Fomos para o maior festival de música da Europa, o Oxegen. Aproximadamente 90 mil pessoas acampadas durante 3 dias de festa, bebendo muito e chovendo 100% do dia. Pois é, estávamos lá, porém trabalhando de cleaner. Foi um único dia de trabalho que nos forçou a bravamente jogar a toalha e pedir para sair. Cleaner em festivais, não mais rsss... Também fomos no Cirque Du Soleil e show do Gun´s N Rose (que decepção, só tocaram quatro músicas e o Axl deu chilique e foi embora. Uma falta de respeito com o público).

Viver fora do Brasil é uma experiência única que aconselhamos para qualquer um, mas não existe nada melhor que o nosso Brasil. Sentimos muita falta de lá. Família e amigos fazem muita falta. É certo que aqui percebemos valores antes adormecidos, que não dávamos atenção enquanto próximos. Isso com certeza nos fará uma pessoa melhor.

Essa é nossa retrospectiva desse meio ano de Irlanda.

Embora com muitas saudades, estamos muito felizes aqui.

Um grande abraço.

8 de out de 2010


Bom, conforme o prometido, segue um post especialmente feito para a Disney em Paris.
Nunca estivemos na Disney dos Estados Unidos (o que dizem que é 3x maior que a de Paris) mas para nós foi a maior diversão!!
É tudo muito mágico, conseguimos perceber cada detalhe dessa magia nos brinquedos, nos "bichinhos", nas paradas e nas apresentações.
Li uma vez um livro (que inclusive recomendo) falando sobre a estratégia da Disney e como ela se tornou tão querida. O nome do livro é Nos Batidores da Disney, não me lembro o nome do autor, mas conta exatamente todos esses detalhes que fazem toda a diferença.
A Eurodisney possui dois parques: o Walt Disney Studio e o Parque de Diversões Disney. Ambos com brinquedos e animações divertidíssimas! O difícil para nós foi saber por onde começar! Já que tamanha era nossa ansiedade de sair correndo igual criança e brincar em tudo! hahaha
Fomos num domingo as 10:00 da manhã e só saímos de lá as 11:00 da noite!! E ainda queríamos mais!!
E nada melhor do que fotos (que aliás são muitas) para mostrarmos um pouquinho disso tudo!



















































































Se forem a Paris... vão a Disney também, com certeza vale a pena!!

Beijosssss