2 de abr de 2010

2° Dia em Dublin

Ontem foi difícil pegar no sono. Essa diferença de 4 horas no fuso horário e o cansaço da viagem complicou um pouco nosso dia. Pra começar, acordamos meio dia (08:00 da manhã horário Brasil) e perdemos o café da manhã aqui do hotel.

Resolvemos então sair para procurar algo pra comer e aproveitamos e demos uma volta para conhecer um pouco mais de Dublin.

O que nós ainda não tínhamos visto, é que chovia um pouco e o vento gelado cortava nosso rosto!Que frioooo... mas tudo bem, fazer o que? Tínhamos que passear e pagar de turista! rs

Na primeira esquina do hotel, vimos uma igreja e fomos até lá. Tinha um pessoal lá dentro rezando diferente, todos virados para um lado agachando e levantando.



Andando mais um pouco vimos um estacionamento de bicicletas, que na verdade, eram para alugar e não tinha ninguém vigiando!! Funciona assim: coloca-se uma moeda em uma máquina e pega a sua bike e claro depois devolve-se a mesma. Hummm...acho que no Brasil isso não funcionaria!


Andamos mais um pouco, cerca de uns 500m de casa e sem querer nos deparamos com um parque enorme, o St Stephen’s Green Park, um lugar muito bonito com lagoa, muito verde e muitas aves, principalmente patinhos (kkkkk). Demos uma volta pelo parque e fomos almoçar.








Na saída do parque sem quere também encontramos a Grafton Street, um calçadão com várias lojas, inclusive a Vodafone, uma cia de telefone onde compramos nosso primeiro celular (veja no próximo post).




Após comprar o celular fomos almoçar no shopping. Almoçamos num restaurante chinês que ficava no terraço com vista para o parque e a Grafton street. O shopping tem 3 andares e é muito luxuoso! Lindo!!


Após o almoço, aproveitamos o local aconchegante e quente para usufruirmos um pouco mais do livro que o Miguelito nos deu. É um guia de toda a Irlanda, com bares, restaurantes e lugares interessantes para visitarmos. Realmente muito bom o guia e com certeza nos será muito útil aqui. Thak you Miguel!



Saindo do shopping nos deparamos com uma multidão e como todo brasileiro curioso fomos correndo ver o que estava acontecendo! Rs. Era um show de mágica no meio da Grafton! Um cara acorrentado em uma camisa de força tentando se libertar. Foi engraçado!! (veja o video: clique aqui)



Percorremos toda a Grafton Street e logo no final encontramos a Trinity College. Uma universidade fundada em 1592 pela rainha Elizabeth I, com uma arquitetura fantástica e gigante.








Como ainda queríamos conhecer mais a cidade, fomos andando sem rumo e nos deparamos com outro parque: o Archbishop Ryan Park. Um parque bem menor que o Sthephen’s Green, porém muito bonito e verde, muito verde! Logo na entrada tem um monumento em forma de pirâmide transparente com quatro soldados dentro e uma tocha no meio. Além deste, existem vários outros monumentos dentro do parque, pois o mesmo é um santuário verdejante no coração da Merrion Square.






Fomos até um Tesco (rede famosa de supermercado) para comprar comida. Estávamos perdidos tentando encontrar achocolatado em pó. Estava difícil descrever o tal, pois só sabíamos falar achocolatado em inglês, o pó não saía de jeito nenhum! Por sorte, um funcionário que estava perto era brasileiro e nos ajudou! Ufa!! Agora temos “Toddy”, Rs.



Depois de um dia cansativo, viemos para o hotel e iremos descansar para amanhã conseguirmos acordar pra tomar o café da manhã e termos um dia mais produtivo! =)

Beijos e até amanhã!!!


Nenhum comentário:

Postar um comentário